Faça login na sua conta!

Ainda não tem uma conta? Cadastre-se agora mesmo!

Mega Colunistas

Colunistas

Festival Timbre Instrumental chega a sua 3ª edição valorizando a diversidade da música brasileira

Publicado em 13/05/2024 - 17:07 Por Cristiane Guimarães
destaque
Créditos da imagem: Divulgação

Bandas do Norte e Nordeste como Ultimato (RO), Strobo (PA) e Camarones Orquestra Guitarrística (RN) vão se apresentar nos dias 25 e 26 de maio no SESC Uberlândia.

Com a proposta de valorizar a diversidade musical, não só de Uberlândia e Minas Gerais, mas também de outros estados brasileiros, a 3ª edição do Festival Timbre Instrumental traz à cidade bandas de destaque do Norte e Nordeste do país. Ultimato (RO), Strobo (PA) e Camarones Orquestra Guitarrística (RN) se apresentam no sábado (25) e domingo (26), às 16h, no SESC Uberlândia, na avenida João Naves de Ávila, 919, Bairro Aparecida.

Defendendo a bandeira do rock uma proposta de conscientização ambiental, atitude, respeito e doses de protestos, a banda Ultimato surgiu em 2001 em Porto Velho (RO). Em 2022 ressurgiu com uma nova proposta musical se consolidando como um dual instrumental composto por Rodolfo Bartolo e Bruno Corsino. Traz em suas apresentações elementos eletrônicos, sonoridades urbanas e florestais, temas virais, samples e sintetizadores, sempre abrangendo sua maior inspiração, a Amazônia. Suas influências variam do rock gringo a Nação Zumbi, Quilomboclada e Los Porongas, além de muito regionalismo e tudo que esteja na dimensão da arte, grafite e arte de rua.

Formado pelos paraenses Léo Chermont e Arthur Kunz, o duo Strobo nasceu em 2001, em Belém. Traz em suas apresentações a música instrumental dançante do Pará misturada a elementos da música pop mundial. Tem influências regionais que passam pela tradicional guitarrada paraense, carimbó e até mesmo o Zouk. Além de participar de importantes eventos e festivais nacionais e internacionais ao longo desses anos, o Strobo participou de projetos e produções de diversos artistas que são referência da música brasileira contemporânea, como Marina Lima, Lucas Santana, Keila Gentil, Jaloo e Arthur Nogueira.

Formada em 2007 pelos músicos Ana Morena (contrabaixo), Anderson Foca (guitarra), Yves Fernandes (bateria) e Alexandre Capilé (guitarra), a Camarones Orquestra Guitarrística, de Natal (RN), é uma banda de rock instrumental dançante, com muito punch, misturando elementos de cumbia, rock steady, surf music e ritmos brasileiros. Com sete álbuns lançados e uma extensa videografia com clipes, shows ao vivo e documentários, a Camarones se destaca como um dos grupos independentes mais ativos do país. Em mais de 15 anos de estrada tem em sua bagagem inúmeras turnês pelo Brasil, América do Sul e Europa, com passagens por alguns dos principais festivais da Alemanha, Portugal, Espanha, França, Inglaterra, Suíça, Argentina, Uruguai e Chile.

O line-up de sábado (25) do Festival Timbre Instrumental conta também com a apresentação da violonista Ana Clara Guerra Trio (MG) e a banda Light Strucks (MG) convidando Johnny Crash (SP). No domingo (26) a programação terá também os shows da Orquestra Sesc de Violas (MG), Duo Country (MG) e banda Sick (MG). A entrada é apenas 1kg de alimento não perecível. As doações serão repassadas ao Programa SESC Mesa Brasil, maior rede de bancos de alimentos da América Latina, referência no combate à fome e ao desperdício.

Nos dias 22 e 23 de maio, às 19h, a programação do Festival é voltada para a realização de Diálogos Culturais com transmissão ao vivo pelo Instagram @festivaltimbreinstrumental. Já na sexta-feira (24), das 14h às 17h, será realizada a oficina “Produção musical a partir da Amazônia: produções e experiências a partir da floresta e seus povos”. A oficina vai acontecer no SESC Uberlândia, na rua Benjamin Constant, 844, Bairro Aparecida.

Ainda na sexta-feira (24), a partir das 18h, acontece a “Discoteca Amazônica do Ultimato”, com DJ Johnny Crash, músico da banda de rock instrumental The Dead Rocks. O evento gratuito, será promovido na cervejaria Captain Brew, na rua Marieta de Castro Santos, 135, Bairro Morada da Colina.

Para permitir o acesso e a participação de todos, além de pessoas especializadas para oferecer suporte ao público, a organização do evento vai garantir um espaço em frente ao palco dedicado às pessoas com deficiência física, visual, auditiva e ou intelectual e idosos. No palco do evento, também haverá a presença de profissionais para tradução em Libras, a Língua Brasileira de Sinais.

O festival é produzido pela agência Timbre Cultural, com parceria cultural do Sistema Comércio MG, formado por Fecomércio MG, SESC, SENAC e Sindicomércio de Uberlândia. A realização é da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, e Governo Federal - Ministério da Cultura, por meio da Lei Paulo Gustavo. O festival também conta com o apoio do Estúdio Farândola, Libertas - Venda & Bar, Cozinha da Terra, Porão Estúdio de Gravações, Calegari Eventos e patrocínio das cervejarias Benedith e Captain Brew. A identidade visual do festival é assinada pelo Estúdio Farândola. Elementos da fauna e da flora brasileira dialogam com instrumentos e a proposta “Sinta o som” do evento.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA
Diálogos e Oficinas
Diálogo Cultural - Instrumental e sua Cena
Com Esdras Nogueira (Festival Transforma), Luciana Simões (Festival BR 135 Instrumental), Reneé Chalu (Festival Sonido) e Gabriel "Bibi" (Festival Timbre Instrumental)
Quarta-feira, 22/5, às 19h, pelo Instagram @festivaltimbreinstrumental

Diálogo Cultural - A Música Instrumental Brasileira
Com Ana Morena (Banda Camarones), Ana Clara Guerra (Instrumentista), Bruno Corsino (Banda Ultimato) e Breilla Zanon (Festival Timbre Instrumental)
Quinta-feira, 23/5, às 19h, pelo Instagram @festivaltimbreinstrumental

Oficina - Produção musical a partir da Amazônia: produções e experiências a partir da floresta e seus povos
Com Léo Chermont e Arthur Kunz (Banda Strobo)
Sexta-feira, 24/5, das 14h às 17h, no SESC Uberlândia
Rua Benjamin Cosntant, 844, B. Aparecida. Entrada franca.

Discoteca Amazônica do Ultimato
Com DJ Johnny Crash (The Dead Rocks)
Sexta-feira, 24/5, às 18h, na cervejaria Captain Brew
Rua Marieta de Castro Santos, 135, B. Morada da Colina. Entrada franca.

Shows
Ana Clara Guerra Trio (MG), Ultimato (RO), Strobo (PA) e Light Strucks (MG) convida Johnny Crash (SP)
Sábado, 25/5, às 16h, no Sesc Uberlândia
Avenida João Naves de Ávila, 919, B. Aparecida (em frente à estação 3 de ônibus)
Entrada: 1kg de alimento não perecível para o Programa Sesc Mesa Brasil

Orquestra Sesc de Violas (MG), Duo Country (MG), Sick (MG) e Camarones Orquestra Guitarrística (RN)
Domingo, 26/5, às 16h, no Sesc Uberlândia
Avenida João Naves de Ávila, 919, B. Aparecida (em frente à estação 3 de ônibus)
Entrada: 1kg de alimento não perecível para o Programa Sesc Mesa Brasil